Stuxnet volta revigorado e ataca rede estratégica no Irã

Stuxnet volta revigorado e ataca rede estratégica no Irã

14 Dez 2018

Nas últimas semanas, uma notícia da TV israelense Hadashot informou que uma rede estratégica do Irã foi atingida por um malware destrutivo, semelhante ao Stuxnet, arma cibernética utilizada para atacar a rede da usina nuclear iraniana Natanz, no ano de 2010, interferindo no programa nuclear governamental. Neste ataque, o vírus estragou as centrífugas que operavam na produção de plutônio, elemento vital para a usina.

O noticiário da TV diz que o malware responsável pela contaminação é mais violento, mais avançado e mais sofisticado do que o Stuxnet que conhecemos. O chefe da agência de defesa civil do Irã confirmou que o governo havia descoberto e neutralizado uma nova versão do vírus, que continha várias camadas e estava tentando entrar em seus sistemas.

O ataque aconteceu horas depois de Israel ter revelado que o seu serviço secreto havia impedido um complô para assassinar três iranianos que vivem na Dinamarca, dias depois de o telefone do presidente do Irã, Hassan Rouhani, ter sido hackeado.

Alta segurança para sistemas de controle e supervisão industrial

Para proteger seus clientes dos danos provenientes deste tipo de agressão, a Altus, em parceria com a Kaspersky Lab, uma das maiores companhias do mercado mundial de segurança cibernética, oferece uma solução completa de defesa contra ataques maliciosos a sistemas de controle, supervisão e aquisição de dados. O pacote reúne um conjunto de produtos e serviços projetados para proteger todos os elementos que atuam nas diferentes camadas do sistema industrial – como servidores SCADA, IHM, computadores industriais, conexões de rede, controladores programáveis e até operadores de planta.

Clique aqui e saiba mais sobre nossa solução de segurança cibernética.

Guia básico de Segurança Cibernética

Para evitar que você também seja lesado em ocorrências como estas, a Altus criou um guia com informações sobre os principais tipos de malwares que cibercriminosos costumam utilizar e dicas de como se proteger de ataques.

Quer evitar problemas de segurança cibernética? Faça aqui o download do Guia, siga suas dicas e proteja-se!