CLP Nexto controla nova planta de adoçantes no Paraná

CLP Nexto controla nova planta de adoçantes no Paraná

17 Jul 2019

Assim como em grande parte dos países distribuídos pelo globo, a saúde também é uma das principais preocupações dos brasileiros. Isso é o que aponta uma pesquisa publicada em 2018 pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), em que oito em cada dez entrevistados dizem se esforçar para ter uma alimentação melhor. Esse movimento pode ser notado pelo aumento na oferta de produtos mais saudáveis, como alimentos orgânicos, adoçantes naturais, entre outros. 

Para que as empresas produtoras possam atender a essa crescente demanda do mercado, o investimento em tecnologias que auxiliem na otimização de seus processos é essencial. Foi isso que a Amyris, empresa especializada na extração de essências derivadas do substrato da cana de açúcar, veio procurar na Altus. A companhia norte americana foi contratada para produzir a nova linha de adoçantes de uma tradicional fabricante brasileira de alimentos saudáveis e buscou nos produtos Altus a base tecnológica para automatizar a linha de produção.

Para esse projeto foram utilizados dois painéis de automação, cada um com um conjunto de CLPs da Série Nexto, nossa mais avançada linha de produtos, responsáveis pelo controle de todas as etapas do processo produtivo da planta, localizada na cidade de Maringá/PR. A CPU escolhida para esta aplicação foi a NX3005, modelo com fonte de alimentação integrada, alta velocidade de processamento – 1000 instruções booleanas (contatos) a cada 6 microssegundos – e ampla capacidade de armazenamento de dados. Além destas características, a unidade ainda conta com suporte a WebServer, o que permite a criação de telas de supervisão e monitoramento de aplicação sem a necessidade de usar um sistema SCADA.


Os painéis também possuem uma ampla variedade de módulos de E/S, a remota PROFIBUS NX5001 e, ainda, uma IHM para controle e operação locais.

Além dos produtos, toda a montagem dos painéis, configuração de aplicações e testes de aceitação foram realizados pelo time de Engenharia em nossa Fábrica de Painéis localizada na cidade de Sapucaia do Sul/RS. Após a solução ter sido consolidada e enviada para o cliente, um dos técnicos da nossa equipe de Suporte ainda se deslocou até Maringá para ministrar um treinamento aos profissionais responsáveis pela operação do sistema no cliente final.