Linha de pintura da Amapá utiliza tecnologia Nexto

Linha de pintura da Amapá utiliza tecnologia Nexto

13 Jun 2018

A versatilidade da Série Nexto, mais avançada família de controladores programáveis da Altus, permite que seus produtos sejam utilizados em soluções dos mais variados segmentos, desde máquinas de pequeno porte, até grandes e complexas aplicações industriais. Um dos mais recentes projetos a empregar a tecnologia Nexto foi a modernização da linha de pintura da Amapá Instalações e Armazenagens. Fundada em 1984 com o nome de Metalúrgica Amapá, a empresa é uma importante fornecedora de soluções para armazenagem, estocagem e organização, que atua em todo território nacional e nos países que formam o Mercosul.

A Amapá iniciou sua relação com a Altus em 2014 através do FBs, linha de controladores programáveis para aplicações de baixa complexidade, e, agora, começa a aprofundá-la por meio da alta tecnologia embarcada nos produtos Nexto. Douglas Santos, coordenador da equipe de manutenção da empresa, conta que a alta densidade de pontos por cartão existente nos módulos de E/S da série foi um diferencial para a escolha desta família. "Foi o primeiro CLP da linha Nexto que utilizamos em nossa planta e o mesmo mostrou-se bem superior, tanto nos aspectos construtivos, como, também, na facilidade de comunicação e programação", declara Douglas.

A arquitetura escolhida para modernizar a linha de pintura da Amapá conta com uma CPU NX3004, modelo com fonte integrada, alta velocidade de processamento e ampla capacidade de armazenamento de dados, e os módulos de entradas e saídas Nexto Jet, produtos que apresentam um excelente custo-benefício para máquinas e sistemas de pequeno porte. Além do bastidor Nexto, a aplicação também possui uma IHM de sete polegadas da Série X2 BASE, solução para controle e supervisão que combina leveza e robustez em uma plataforma moderna, com alto nível de desempenho e segurança. No total, a arquitetura instalada compreende 49 pontos entre entradas e saídas digitais e analógicas, comunicando através de um protocolo baseado em Ethernet.