WebServer – Telas de OEE (Overall Equipment Effectiveness)

Neste tutorial estão descritas orientações e procedimentos para capacitar o usuário a desenvolver uma tela WebServer utilizando variáveis demonstrativas, ilustrando o conceito de Overall Equipment Effectiveness (OEE) ou Eficiência Geral (também chamada de Eficiência Global) do Equipamento ou Máquina. Conceito esse muito utilizado para gerenciamento de produção.

Componentes

Software: Mastertool IEC XE 3.30


Seções do Tutorial

1. INTRODUÇÃO

2. DESENVOLVIMENTO

2.1 Abrindo o MasterTool

2.2 Conhecendo o ambiente

2.3 Colocando objeto imagem

2.4 Alteração da cor de fundo da imagem:



_____________________________________________________________________________________________


1. INTRODUÇÃO

Para calcular o OEE é necessário medir 3 índices de máquinas, linhas, células: Disponibilidade, Desempenho e Qualidade. São valores percentuais de cada índice que compõem o OEE:

  • Disponibilidade: 88% (Igual ou acima);

Corresponde ao quanto a máquina (ou as máquinas e linhas de uma planta) estão disponíveis para serem utilizadas.

  • Desempenho: 85% (Igual ou acima);

Representa o quanto a máquina produz em relação a capacidade de produção desta mesma máquina

  • Qualidade: 97% (Igual ou acima);

Não adianta ter alta disponibilidade e alto desempenho se os produtos estão sendo produzidos com defeitos e sendo refugados. O terceiro índice que compõe o OEE é a qualidade do produto. Uma forma é utilizar o conhecimento do operador para informar se um produto está sendo produzido com qualidade, outra forma é a análise de amostragem por lote, nesse caso a medição não é totalmente em tempo real. O sistema de gestão de OEE pode sinalizar ao analista de qualidade quando é o momento para que a avaliação de lote seja feita. O índice de OEE é então, matematicamente, formado pela multiplicação dos 3 índices:

OEE= 0,88 x 0,85 x 0,97 = 0,72 (Igual ou acima).

Com o que é apresentado durante o tutorial o usuário será capaz de desenvolver telas parecidas com a abaixo:





2. DESENVOLVIMENTO

2.1 Abrindo o MasterTool

Após abrir o Mastertool e selecionar a CPU desejada com WebServer (XP340 ou NX3005), selecione "Próximo" para as próximas telas que aparecerem. Quando chegar no projeto, à esquerda da tela haverá a árvore de dispositivos, clique em "Application" com o botão direito e vá em "Add Object->Visualization Manager...".




Clique na caixa ao lado "VisuSymbols, 3.x.x.x (System)" e clique em "Add".




Clique em "Application" com o botão direito e vá em "Add Object -> Visualization...". Selecione o nome que você quer para a visualização. Nesse exemplo chamaremos de "main", pois ela será a tela principal.



Agora dê duplo clique em WebVisu e clique no botão "..." ao lado de "Start Visualization" e selecione a visualização main que acabamos de criar. A partir de agora a visualização "main" será a primeira visualização ao abrir a WebView.



2.2 Conhecendo o ambiente

Abra na visualização "main" a partir da árvore de objetos, ela estará da seguinte forma:



Esse campo em branco no lado esquerdo é a visualização em si, onde você irá acrescentar os objetos, que estão na Visualization ToolBox ao lado direito, divididos em "Basic", que são as formas geométricas e outros objetos básicos, "Common Controls", botões, campos de texto, tabelas, etc., "Measurement Controls", que são os objetos para indicar valores de medidas, "Lamps/Switches/Bitmaps", onde há outros tipos mais específicos de botões e indicadores, e "Special Controls", objetos mais avançados.

Caso queira alterar a resolução, clique na visualização com o botão direito e vá em "Properties".



Vá na aba "Visualization", clique em "Use specified visualization size" e altere a resolução.



Em Visualization ToolBox, selecione a aba "Measurement control", utlizaremos o Meter180° apra demonstrar as variáveis.



Para uma imagem “clean”, optamos por retirar a borda externa do objeto, apagando a escrita “default” e alterando a cor da fonte, ponteiros e escala para cor preta.



Para a configuração de cor das escalas, utilizamos o caminho:

Colors -> Color áreas -> Criar um novo (Para cada intervalo de cor que o usuário precisar).



Como no conceito de OEE trabalhamos com uma faixa de trabalho já determinada: (Disponibilidade: 88%, desempenho: 85%, qualidade: 97%), configuramos com as cores vermelho e amarelo, simbolizando a faixa de trabalho ideal (amarela) e a faixa de trabalho não ideal (vermelho).



Para um fácil entendimento colocamos também legendas em ambos os objetos para os usuários saberem o que cada meter está simbolizando.

Para adicionar um texto: Visualization ToolBox -> Básico -> Retângulo -> Texts

No projeto acima utilizamos três caixas de texto, uma representando o Meter (1,2,3..), um com o nome da variável que estamos controlando (Disponibilidade, desempenho e qualidade) e mais um com a informação digital da posição de cada ponteiro.

OBS: %.2f é a forma utilizada em linguagem C# que permite o programa nos retornar um número float (decimal) com duas (.2) casas após a vírgula, a segundo símbolo de porcentagem é parte do texto/string que será exibido, conforme abaixo:





2.3 Colocando objeto imagem

Botão direto do mouse em cima de Application -> Adicionar objeto -> tabela de imagens




Duplo clique em “nome do arquivo”



Clicar três pontos para achar a imagem -> “Lembrar link e incluí-lo no projeto” ->“Atualizar o arquivo automaticamente” -> OK




Visualization -> Basic -> ImagePool -> Clique na imagem e arraste para a tela em branco.  Ajuste o tamanho e posição.



Caso deseja adicionar ícones ou ocorra dúvidas sobre o procedimento de importação de imagens, clique aqui.


2.4 Alteração da cor de fundo da imagem:

Como vimos nas figuras acima, inicialmente quando abrimos o webserver a cor do fundo é branca, para alterarmos clicamos com o botão direito do mouse em qualquer local de área útil da tela e escolhermos a opção “fundo”:




Temos duas opções, a primeira, “usar cor” nos permite mudar apenas a cor do fundo, seja por meio de uma opção de cor ou de um “código RGB.



A segunda opção, “usar imagem” abre o acervo de imagens (no canto esquerdo, dentro de UserPOU ) que colocamos dentro do MasterTool, selecionamos a imagem e ajustamos com o tamanho disponível de tela, lembrando que nesse passo é importante averiguarmos junto ao endereço web como está ficando nossa tela, pois pode acontecer de cortarmos a imagem e ela não preencher 100% a tela.



Em “Scale” dentro de ”Properties” conseguimos ajustar a escala, bordas interna/externa, selecionando as opções:

  • “Show scale” para mostrar as marcações da escala;
  • Frame “inside” para adicionar a borda interna;
  • Frame “outside” para adicionar a borda externa.


 



A escala em si, configuramos da seguinte maneira:

  • Scale start: Número inicial da nossa escala, neste caso 0 (zero)
  • Scale end: Número final da nossa escala, neste caso 100 (cem)
  • Main Scale: Período da nossa escala, utilizamos 25, ou seja, os números mostramos do objeto meter serão, 0, 25,50,75,100. Optamos por essa opção para não o objeto não ficar muito “poluído”.
  • Subscale: É a marcação das linhas internas, cada linha representa uma escala de 5


Estes são os principais comandos utilizados para a criação de uma tela focada em OEE. Para saber mais sobre Visualização Web, clique aqui.


ARQUIVO BAIXAR
Projeto do exemplo Português

Ficou com dúvidas? Então clique no botão abaixo e fale com a gente!

ENVIE SUA DÚVIDA

Esta publicação foi relevante para você? Avalie o material para que possamos continuar melhorando.

Clique para gravar a avaliação
Gostou? Então compartilhe